terça-feira, 31 de março de 2009

Uma Estranha no Ninho

Aniversario do meu pai no rodizio de pizza.

Foi muito estranho chegar no Brasil, na estrada de Guarulhos pra Jundia tudo eu achava feio, a unica coisa boa, alem do meu pai que foi me esperar, foi o cheiro de grama molhada, pois tinha acabado de chover. Esse cheiro sempre me lembra interior de SP.

Fomos visitar minha familia em Jundiai e Americana no primeiro final de semana e finalmente cheguei em Lins no domingo a noite. Engraçado como eu tenho que me controlar pra não escrever domingo com maiuscula ou Brasil com z.


Essa é a tia Maria, irmã do meu pai.

Amei rever minha prima, as crianças dela ja estão enormes! Olha so a foto da Stacey se deliciando com a galinha de chocolate da Lindt que trouxe de Zurique.






Nessa esta a Stacey no meu colo (cagadissima) e o Taylor aprocurando um buraquinho pra aparecer na foto tambem, ele é tão inteligente, manja tudo de ingles, uma graça. A Ligia, minha cunhada animadissima esta na foto também:





Infelizmente não tem foto da Aline e do Evandro, pais das crianças. Essas fotos ficaram na maquina do tio Edson, que alias ficou de me mandar e até agora nada. Tio, faz favor de mandar porque ta desfalcando o blog :)

PRONTO!!! Demorou, mas chegou a foto da familia toda:


Meus sobrinhos estao lindos também, ainda bem que eu não trouxe camiseta pra eles, pois não iria caber. Nem acreditei que o meu sobinho ja passou os 20 anos, poxa vida, ele era um bebe bolinha loiro tao lindo! Agora ta enorme, tatuado, cheio de pircing... E olha minha sobrinha que linda:




Aqui nos meus pais eles reformaram a casa e ja penduraram os pratos que eu trouxe pela parede, amaram os presentes e principalmente os chocolates!

Todo dia eu provo alguma coisa boa, ja comi picanha, tutu,... e ainda to comendo requeijão e yakut todo dia! Minha mae invocou que preciso emagrecer e me faz fazer meia hora de exercicio todo dia, mas com certeza não vai adiantar, pois to comendo muuuito.

Queria passar o dia numa piscina, to morrendo de inveja do Lu que vai pra Maceio ver a familia e tomar agua de coco na praia enquanto eu fico aqui cozinhando no calor. É estranho estar aqui sem ele, alias é estranho estar no Brasil.

As preocupações agora são tão diferentes por aqui. Enquanto eu escrevia o post um cara subiu no muro do fundo do quintal procurando casa pra roubar, na cidade dos meus pais tem tido muitos assaltos, não só em casas, mas também no comercio. Semana passada teve até roubo a mao armada numa loja e entraram encapuzados no meio da tarde! Infelizmente a violencia chegou a Lins. Tive que tirar os documentos da bolsa e estou andando com o minimo pois até ladrãozinho de bolsas tem por aqui agora. Não tenho essas preocupações em Zurique, tudo bem que não tenho calor, familia e as comidinhas que eu amo, mas tenho uma sensação de segurança impagavel.

Outra coisa que me choca é a maldade das pessoas, um menino passou aqui, tirou o lixo da lixeira e jogou no chão, sem motivo nenhum! Dai pedi pra ele devolver e ele disse que não tinha feito nada, na minha cara o porquinho saiu rindo! Outra foi uma amiga da minha mãe que deixou o celular cair no chão quando atravessava a rua e dois motoqueiros miraram e passaram em cima rindo. Ver esse descaso com o proximo me entristesse.

Ola o video da Xuxa, nova cachorra dos meus pais, meu pai disse que ela tem o melhor faro do mundo. Pode até ser, mas a cadela ta na maior dificuldade pra achar o rabo:


video

quarta-feira, 18 de março de 2009

Visto Do Visto Que Não é Visto

Eu não gosto de reclamar da Suiça, mas hoje eu preciso.

O nosso visto aqui tem duração de 1 ano, então quando expira eles enviam uma carta para você ir la repagar as taxas e renova-lo. Nosso venceu em fevereiro, como demora 3 meses pra ficar pronto e eu ja tinha programado pra ir pro Brasil agora (viajo semana que vem), fui la em janeiro pedir pra renovar e me falaram pra esperar a carta. Bom, a carta chegou em fevereiro, a empresa do Lu preencheu os documentos e demos entrada. Duas semanas depois recebi uma carta pedindo pra reassinar os documentos e acrescentar uma foto.

Agora estamos sem documentos, so um papel dizendo que chegamos aqui no dia tal e que ja demos entrada no visto. So que esse xerox não é aceito como visto pra entrar no pais, então precisei ir no escritorio de imigração hoje pegar um visto temporario pra poder voltar do Brasil. O visto é simples e fica pronto na mesma hora.

Eu preciso do visto pq eles não me deixaram renovar com antecedencia e porque o processo deles demora 3 meses, mesmo assim, depois de ja ter pago 200 francos pro visto anual ainda precisei pagar mais 94 francos hoje. Bom, depois de um ano aqui ja estou me acostumando com o 'pagar pagar'. Achava que valia a pena pois tudo funcionava, mas esse escritorio é uma loucura!!

So tinha 2 atendentes pra uma fila enorme, mas tinha espaço pra 8 atendentes, mas na hora que mais tem gente estavam todos almoçando. Cada pessoa demorava um tempão, os que foram pela manha e não conseguiram resolver podiam furar a fila e ir direto no atendente e pra completar uns africanos chegaram na cara de pau e furaram a fila sem a menor vergonha. Eu esperei 1 hora em pé e morta de fome. Dai quando a atendente me atendeu eu fui cortada por um cara que chegou com os documentos que ele não tinha antes e foi atendido no meio do meu atendimento. A senhora pra cortar minha foto demorou uma vida, com a tesoura bem lentamente, fiquei morrendo de do de quem estava esperando, mas não era minha culpa, o atendimento que é lento mesmo.

Me senti roubada tendo que pagar 94 francos por um serviço ruim e lento pra receber um papel no meu passaporte que me da um direito que eu ja deveria ter...

Acho que esta na hora mesmo de ir pro Brasil e ter um gostinho da burocracia de la pra parar de achar defeitos por aqui.

quarta-feira, 11 de março de 2009

De Onde Vem as Lagrimas


Não consigo decidir se a semana passada foi boa ou ruim, se a semana acabou no sabado então foi boa, se no domingo então foi pessima. Deixa eu explicar:

Sexta-feira almocei com o pessoal do alemão. Foi engraçadissimo como sempre. Nosso vocabulario, nossa pronuncia e a gramatica são pobre e parcialmente inventados, esquecidos ou ignorados, então sempre alguem olha pra gente com cara de 'que conversa de doidas!' No trem a caminho pro centro um cara não se aguentava de rir da gente conversando, dai até nos ajudou. Não da pra fazer um comparativo porque brasileiros entende portugues mesmo que a pronuncia seja errada e o gringo não conjugue os verbos, mas no alemão não tem essa, eles precisam ouvir tudo corretinho pra conseguir entender.

A noite fui jantar no Le Cedre e a comida e o vinho estavam otimos (é comida libanesa) e tinha uma dancarina que de vez enquando aparecia e dava um showzinho. A mulher era muito corajosa, tinha uma barriga gigante que chacoalhava muito durante a dança do ventre. Eu com aquela barriga usaria uma burca, mas ela estava com a barriga de fora e com estampa de oncinha. Muito brava! Então o Lu chegou de viagem. Até que enfim!!!! Sabado fomos passear no centro, fizemos compras e ainda almoçamos no La Bodega Espanhola, que é um restaurante famoso por aqui. Comemos uma paella deliciosa! A noite jantamos na casa da Ayami, um jantar japones do inicio ao fim, muito bom! Ta vendo, eu disse que se a semana acabasse no sabado era boa.

Domingo começaram os problemas, uma dor de cabeça insuportavel, não passava e eu não conseguia dormir, chorei a noite toda e fui pro medico na segunda-feira cedo. Adivinha?? Essa eu nem sabia que existia! Estou com o canal que sai a lagrimas inflamada, por isso estava chorando feito doida. Ela me deu um antiinflamatorio e um spray pro nariz, porque o mesmo canal que solta agua pros olhos solta pro nariz e meu nariz não esta escorrendo como normalmente deveria depois de comer wassabi ou ao sair no vento, então sai tudo pelos olhos... O importante é que eu ja estou bem melhor e comemorando cada vez que meu nariz escorre :)


Como estou sem fotos pra mostrar essa semana, resolvir postar uma das fotos que mais gosto. Essa leoa é a Kamunyak. Ela ficou famosa pois adotava filhotes de presas como sendo dela. Como ela não tinha leite o filhote morria de fome e como não podia caçar, pois precisava proteger o filhote de outros predadores, ela tambem ficou muito doente. Fiquei muito impressionada quando vi esse documentario. Uma leoa que quer tanto ser mãe que olha pra um oryx e ve um leão.

Pra saber mais olhe o site da antropologa que fez o documentario, ha varias fotos legais e a historia da vida dela também é muito maneira: http://www.douglas-hamilton.com/

terça-feira, 3 de março de 2009

Tia Avó

Com o Lu viajando não tenho feito muita coisa.

Minhas aulas de alemão parecem um alucinação de tanta gente doidamente diferente. As vezes essa sopa cultural da certo, as vezes não. Dessa vez não deu. Não da nem vontade de contar, porque as aulas estão muito chatas.

Semana passada fui numa prova de vinhos italianos organizada pelo mesmo casal que fez a prova de vinho espanhol, lembra? Pois é, teve varios pratos tipicos, como polenta frita e couve-flor empanada. Eu colaborei com a panna cota, que é uma especie de gelatina de creme de leite (sério! os ingredientes são creme de leite, açucar e gelatina). Esse foi meu projeto do sabado.

Gosto quando alguem me pede esses doces, pois eu posso fazer uma receita que o Lu e eu até dariamos conta de comer sozinhos, mas entupiriamos todas as nossas veias pra isso :)

Hoje sai pra jantar com uma amiga e contei que a esposa do meu sobrinho esta gravida. Então pensamos: o que eu vou ser??? Tia avó!!! Da pra acreditar??? Eh isso mesmo né? A irmã da minha avó é minha tia avó? Senhor, como eu to ficando velha...