segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Guarana Champanhe - SHO


Logo que acabei de escrever o post passado, na segunda de manha. Recebi uma ligação da Ayami, que o Lu tinha caido durante o snowboard e o Jürg tinha levado ele pro medico.
Ele caiu sentado duas vezes e pela radiografia não quebrou nada, mas vai sentar de lado por 3 semanas e sente um pouco de dor pra andar. Por isso cancelamos o final de semana na montanha programado pro reveillon.

Na quarta-feira eu comecei a sentir colica logo apos o café da manhã, junto veio os vomitos e acabamos indo pro pronto-socorro.

Quando você diz 'To gravida com colica!' a primeira pergunta é: 'tem sangue?' Se não tem, como era o meu caso, me encaminharam pro consultorio e so fui atendida duas da tarde. Não importa quanto você chore e se contorce de dor!

O medico diagnosticou que tenho SHO, Sindrome da Hiperestimulação Ovariana. Funciona assim: durante o tratamento pra produzir um monte de ovulos eu tomei varios hormonios e mesmo gravida esses hormonios ainda estão fazendo meus ovarios produzirem ovulos. São tantos ovulos que meus ovarios estão enormes, um tem 10cm e o outro 5cm o que faz minha barriga ficar inchada e bem maior do lado esquerdo. A dor vinha dai! Tenho a versão leve da sindrome e nesse caso os sintomas são inchaço, constante sensação de estar cheia, nauseas e problemas na urina. Ainda bem não tive o ultimo! De qualquer forma, pra completar, meu exames deu que eu estava com desidratação e por isso me internaram. Era pra eu ficar dois dias, mas fiquei so um pra poder passar o Reveillon em casa.

Antes de me liberar a medica fez mais um ultrassom, no dia tinha 6 semanas e 4 dias, disse que os ovarios ainda vão precisar de varias semanas pra desinchar e ela conseguiu achar nosso bebe, mas ainda sem batimento cardiaco. Por causa dos ovarios inchados é dificil achar um bebe tão pequeno la dentro.
Depois dessa novela até poucos minutos antes da meia noite eu estava assim, na cama. Me enchendo de remedios e muita muita agua!


Depois o Lu abriu um guarana e brindamos a chegada de 2010 assistindo os fogos pela TV.
Volto pra monitoramento dia 12, por enquanto não tive mais dor, nem nauseas. Sinto muito cansaço, mal humor e sono, parte a sindrome, parte a medicação e parte o bebe crescendo.

3 comentários:

Vivian Teixeira disse...

Esqueci de contar que no hospital a medica disse que eu precisava comer comida leve. E eu morta de fome fiquei esperando uma salada sem tempero com um frango grelhado. Advinha?! Chegou a refeiçao: bife de porco, macarrão e molho madeira!
No Brasil eu ganharia uma sopinha, mas na Suiça um porquinho frito é light :) Delicia!

Michele Anjos disse...

Ahaha que legal VI, que bom que na Suiça não é só uma sopinha ehehhe. Te cuida e fica bem logo.
Beijos

Nat disse...

KKKKKKKKKKKKKK ... comida leve é? Alguém avisou para a Nutricionista e para a Médica quanto pesa um leitão em todos os sentidos?
Outra coisa, o Luciano é maravilhoso, mas dá para ele ficar quieto e não dar mais nehum susto na mãe desse curumim, hein?
Graças a DEUS e a NOSSA SENHORA AUXILIADORA vocês 3 estão bem!!!
Beijossssssssssss