domingo, 29 de junho de 2008

Bar Mexicano e Piscina Pùblica


Essa semana comemoramos o niver do Lu. Foi bem legal, um dia antes fomos no outlet e compramos umas roupinhas e um liquidificador no MediaMarket. Eu queria fazer bolo de cenoura e é impossivel fazer a minha receita infalível sem o liquidificador, dai andei a cidade toda olhando preços e o mais barato era no MediaMarket, ainda tem a vantagem de poder passar no outlet. Pena não ter mais Carrefour na Suiça, também era la perto e vendia umas coisinhas francesas que vão deixam saudades.

Por coincidência o niver do Lu caiu no mesmo dia do happy hour da empresa (todo mês tem um), então passei la pra falar 'oi' e o bolo de cenoura coberto com brigadeiro que ele levou fez o maior sucesso. Depois fomos num bar mexicano, que tem asinhas de frango e costelinha no estilo Outback, estava ótimo!

Hoje fomos na piscina pùblica aqui do bairro. Tomamos sol e brincamos na piscina. Tinha varios brasileiros e portugueses, mas não conversamos com ninguém, só ficamos lagartichando no sol. Cinco da tarde começou a ficar muito cheio e estavamos sem almoçar então voltamos pra casa.

Aqui esta bem quente. Todo dia a casa enche de bichinhos na luz e de manhã estão todos mortos no chão me esperando pra irem pro lixo...coitados...

Estou traduzindo o meu Plano de Estudo. Eu nem sabia que isso existia, mas para me inscrever em cursos por aqui preciso provar que tenho faculdade, então preciso apresentar a descrição e os livros de cada materia da faculdade para que eles comparem com a descrição da faculdade daqui e possam me aceitar. Essa tradução está sendo tragicamente divertida. Não dá pra acreditar que um professor universitário consegue escrever tanta abobrinha num papel que tem tanta importância pro aluno... Primeiro foi o trabalho pra conseguir isso: a universidade demorou mais de 30 dias pra me entregar e cobrou 80 reais. Agora eu leio e não acredito de tão mal feito. Outra novidade pra mim foi que me pediram aqui um diploma de colegial com grade numerica e notas superiores a 7. Pedi na escola em que cursei e eles não tem. Disseram que não entregam diploma pra quem se formou na época que me formei (acho que estou velha :-). Então me deram um histórico com grade alfabética... Tambem, pra que diabos esses suiços querem ver minhas notas do colegial??? Enfim, trabalho não tem faltaldo :-)

3 comentários:

Michele disse...

Legal Vi, nós adoramos os bares e restaurantes Mexicanos, aqui em Manhattan são muitos e ainda não teve um que eu diga que não é bom, a grande maioria tem uma comida muito boa e alguns tem uma variedade de drinks e sucos bem grande.
Agora que viagem essa de pedir as notas do colegial, estranho mesmo, será que aqui é assim tb?!?
Sei que aqui tem que apresentar o histórico da universidade/faculdade traduzido, mas do colegial!!
Boa sorte ;-)

Vivian Teixeira disse...

Minha primeira vez num bar mexicano pedi um sanduiche e veio pão de hamburguer recheado com feijao, abacate, abacachi e porco :-) Eu odiei! Mas tortilhas e tacos são otimos! O daqui é mais americano que mexicano, até costelinha de porco com molho barbecue tem.
Bjos

Erika disse...

Ooooiiii, companheira!!
Cheia de trabalhos então? Que delícia, hein? he, he
:)

Manda um super PARABÉNS pro Lu!

PS: adoro ler suas aventuras. Fico morrendo de inveja.... ;)

Bjos,
Erika